Sinopse: Neste volume da coleção, Suzannah está de ferias e começa à trabalhar como babá em um hotel chique, pois seu padrasto lhe dá duas alternativas: trabalhar, ou receber aulas particulares. Lá, ela conhece Jack, um mediador e Paul, seu irmão, um garoto muito estranho que logo se apaixona por Suze. Porém não é correspondido. Suzannah tem que trabalhar e fugir das cantadas de Paul. Numa noite, Suzannah é acordada por um fantasma de uma mulher, a ex-noiva Maria de Silva do seu namorado Jesse, e ainda exige que a construção de uma piscina nos fundos da casa de Suzannah seja interrompida imediatamente e isso faz Suze pensar em o que está escondido lá. Será o corpo de Jesse? Suzannah em nenhum momento descarta essa possibilidade. Mas se for isso mesmo? E se solucionarem o seu assassinato e Jesse finalmente passar para o outro lado? Como será que isso vai terminar? Para nossa querida mediadora, problemas e aventuras é o que não falta.E sera que Jack fara as escolhas certas? O amor entre Suzannah e Jesse ira aguentar a todas as coisa que acontecerão?

Livro: A Hora Mais Sombria
Série: A Mediadora
Volume: #4
Autor: Meg Cabot
Gênero: Fantasia; Sobrenatural
Páginas: 272
Editora: Galera Record
Ano de Publicação: 2005
Nota: 

A Hora Mais Sombria” é o quarto livro da série “A Mediadora” da autora Meg Cabot. Essa resenha é totalmente livre de spoilers.


Suzannah está em férias e entre ter aulas particulares e arrumar um emprego de verão, ela fica com a segunda opção. E então começa a trabalhar de babá em um resort da cidade. É lá que ela conhece Jack, um garotinho um tanto peculiar. E Suzannah acaba descobrindo que ele é um mediador e o ajuda a lidar com isso.

Jack tem um irmão mais velho, Paul que acaba se interessando por Suzannah e mesmo ela se recusando a sair com ele, ele continua insistindo. O que Paul não sabe é que ela já está apaixonada por outra pessoa. O fantasma que mora em seu quarto, o charmoso Jesse.

Suzannah acaba recebendo uma visita um tanto inesperada da fantasma da ex-noiva de Jesse, Maria, que esconde um grande segredo que não pode ser revelado de forma alguma.

Esse foi o livro mais cansativo da série até agora, porém é ele que conecta o presente e o passado de uma forma surpreendente. Fora que novos personagens importantes começam a aparecer para dar continuidade da melhor maneira possível.

Sem dúvida é a melhor série de livros da Meg e a minha favorita da vida. Tive meu primeiro contato com essa série assim que foi lançada, mas antigamente comprar livros era basicamente um luxo, então tive que pegar emprestado da biblioteca. Foi bem sofrido e demorei muito para acabar de ler tudo. Mas faz alguns anos que venho procurando-os em sebos e acabo de completar a minha coleção para reler sempre que quiser.

Deixe um comentário

• Bem vindos!
• Antes de comentar, leia a postagem.
• Estou aberta a críticas, elogios e sugestões. Porém, use o bom senso.
• Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu retribua a visita.
• Volte sempre!