Sinopse: Durante as semanas seguintes à traição de Aidan, Emma fez o que pôde para seguir em frente. Ignorando as inúmeras mensagens de texto e voz e as flores, ela não tinha certeza se queria voltar para ele. Mas Aidan não desistiria fácil – principalmente não até que Emma o deixasse revelar o segredo de seu passado que o levou a ter fobia de assumir compromissos. Mas o destino intervém quando Emma entra em trabalho de parto prematuro e precisa repousar por duas semanas. Aidan aproveita para fazer uma proposta surpreendente. Para provar seu amor e comprometimento com ela e com seu futuro filho, ele pede uma licença do emprego para cuidar dela em tempo integral. Jurando proteger seu coração, Emma concorda com relutância. Enquanto fica comovida com a atenção e os cuidados de Aidan, Emma fica desconsertada com a aproximação do médico da emergência, Alpesh “Pesh” Nadeen. Pesh é tudo que Emma poderia querer – bem-sucedido, equilibrado e pronto para se casar, para ser marido e pai. Pesh só quer conquistar o coração de Emma, mas ela não tem certeza se será capaz de entregá-lo. O coração dela pode ainda pertencer ao mesmo homem que o partiu – aquele que está tão desesperado para tentar tê-la de volta.

Livro: O Pedido
Série: A Proposta
Volume: #2
Autor: Katie Ashley
Gênero: Romance Contemporâneo
Páginas: 297
Editora: Pandorga
Ano de Publicação: 2013
Nota:


“O Pedido” é o segundo livro da trilogia “A Proposta” da autora Katie Ashley. Essa resenha é totalmente livre de spoilers, mas caso não tenha lido o primeiro livro, indico pular a sinopse.

No primeiro livro conhecemos nossos protagonistas Emma e Aidan. Emma tinha o desejo de ser mãe e Aidan oferece para ser o doador de esperma com a condição de que o bebê seja concebido naturalmente. Alguns acontecimentos ficam marcados no primeiro livro e Aidan se vê desesperado com o pensamento de começar uma família. Ele fica dividido entre a vida de solteiro que tinha antes com a possibilidade de formar sua família com Emma e o bebê.

Aidan tenta reconquistar Emma de várias maneiras, deixa mensagens de texto, de voz, manda flores, porém Emma está decidida a seguir em frente e esquecê-lo para sempre. Mas o que ela não sabe, é que Aidan tem um segredo do passado e que para ele conseguir seguir em frente com ela, ele precisa encerrar esse assunto com ele mesmo.

Mas Katie Ashley gosta de mexer com o destino das pessoas e adora dar um susto em seus leitores. Emma acaba entrando em trabalho de parto prematuro e para não perder o bebê precisa ficar de repouso absoluto por duas semanas. Para ajudá-la no repouso, Aidan pede uma licença do seu trabalho para cuidar das coisas que Emma não poderá fazer nesse período.

Emma reluta em aceitar a oferta, porque ainda está muito magoada com ele. Porém perder o bebê está fora de cogitação e ela aceita a ajuda dele. O que ninguém imaginava era que entraria um concorrente nesse meio tempo, o médico Alpesh “Pesh” Nadeen, que ao contrário de Aidan é um cara bem fácil de lidar e tudo o que Emma poderia querer: bem-sucedido, equilibrado, pronto para se casar, para ser marido e pai. É Aidan querido, se cuida!

A escrita da Katie é fluída e leve, a leitura é bem rápida e gostosa de fazer. Emma é uma personagem carismática e está bem mais legal nesse segundo livro, afinal deixou de ser tão obcecada com o lance da gravidez. Aidan continua sendo Aidan... Mas gostei de vê-lo correr atrás das coisas. Ele deixou de ser assim tão convencido e a concorrência o deixou engraçado demais. Mas a autora foi bem feliz com esse segundo livro e os personagens subiram no meu conceito, estão bem mais maduros, com certeza.

Deixe um comentário

• Bem vindos!
• Antes de comentar, leia a postagem.
• Estou aberta a críticas, elogios e sugestões. Porém, use o bom senso.
• Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu retribua a visita.
• Volte sempre!