Sinopse: Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja. O amor vem pros distraídos. Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar um namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal PER-FEI-TO! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.

Livro: Não se Apega, Não
Série: -x-
Volume: Único
Autor: Isabela Freitas
Gênero: Autoajuda; Relacionamentos
Páginas: 256
Editora: Intrínseca
Ano de Publicação: 2014
Nota: 



Sinopse: O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964. São, portanto, quase 50 anos sem uma edição no país, sem que a maioria das novas gerações pudesse ler a obra original que Hitchcock adaptou para o cinema em 1960. A DarkSide orgulhosamente tem o prazer de reparar este lapso, em julho de 2013, com o lançamento de Psicose em versões brochura (classic edition) e capa dura, limited edition que incluirá um caderno especial com imagens do clássico de Hitchcock. Uma história curiosa envolvendo o livro é que Alfred Hitchcock adquiriu anonimamente os direitos de Psycho e depois comprou todas as cópias do livro disponíveis no mercado para que ninguém o lesse e, consequentemente, ele conseguisse manter a surpresa do final da obra. Em Psicose, Bloch antecipou e prenunciou a explosão do fenômeno serial killer do final dos anos 1980 e começo dos 1990. O livro, junto com o filme de Hitchcock, tornou-se um ícone do horror, inspirando um número sem fim de imitações inferiores, assim como a criação de Bloch, o esquizofrênico violento e travestido Bates, tornou-se um arquétipo do horror incorporado a cultura pop.


Livro: Psicose
Série: -x-
Volume: Único
Autor: Robert Bloch
Gênero: Suspense; Mistério; Terror;
Páginas: 256
Editora: DarkSide
Ano de Publicação: 2013
Nota: 


Sinopse: Será que um vilão pode se recuperar? Gilly não se considerava exatamente uma garota má... Porém, quando se tem cinco irmãos e irmãs mais novos, é preciso ser criativo para ajudar nas despesas. Ela é uma ladra muito boa, e disso tem certeza e pode se gabar. Até ser pega. Depois de roubar uma presilha, é sentenciada a passar três meses no Reformatório de Conto de Fadas, nas quais os professores são aqueles antigos vilões que já conhecemos, como o Grande Lobo Mau e a malvada madrasta da Cinderela. Quando, porém ela faz amizade com alguns estudantes como Jax e Kayla, aprende que esse reformatório vai muito além da sua missão heroica. Há uma batalha ganhando forma e Gilly precisa descobrir: os vilões podem realmente mudar? Descubra o lado B dos contos de fadas.

Livro: Escola de Vilões
Série: Escola de Vilões
Volume: #1
Autor: Jen Calonita
Gênero: Fantasia; Young Adult;
Páginas: 192
Editora: Única
Ano de publicação: 2015
Nota:



Sinopse: Thomas Ward é o sétimo filho de um sétimo filho e se tornou aprendiz do Caça-Feitiço. A missão é árdua, o Caça-Feitiço é um homem frio e distante, e muitos aprendizes já fracassaram. De alguma forma, Thomas terá de aprender a exorcizar fantasmas, deter feiticeiras e amansar ogros. Quando, porém, é enganado e cai na armadilha de libertar Mãe Malkin, a feiticeira mais malévola do Condado, tem início o horror... e uma grande aventura!

Livro: O Aprendiz
Série: As Aventuras do Caça-Feitiço
Volume: #1
Autor: Joseph Delaney
Gênero: Fantasia
Páginas: 224
Editora: Bertrand Brasil
Ano de publicação: 2008
Nota:


O Aprendiz” é o primeiro livro da série “As Aventuras do Caça-Feitiço” escrito por Joseph Delaney. A resenha é livre de spoiler.